“UNLIMITED – Greatest Hits” – A personal review – part 5

Aqui fica a parte 5 do comentário. Da próxima vez passaremos para o CD 2 da versão Deluxe. Esta parte demorou um pouco mais a escrever, pois tenho estado muito ocupada e também estive um pouco doente. De qualquer das formas espero que gostem e obrigada, mais uma vez, por lerem!

Here’s part 5 of my personal review. Next time we’ll start with CD 2 of the Deluxe version. This part took a little longer to write, I’ve been really busy and I was also a little sick. Either way, I hope you like it and thanks again for reading!

Kashmir

Há cerca de uns 3 meses talvez, encontrei um vídeo online em que Jimmy Page estava a dar uma masterclass de guitarra eléctrica a The Edge (U2) e Jack White e a música que ele estava a tocar era exactamente este tema. No início era apenas Jimmy, mas os outros dois logo o acompanharam e posso dizer-vos que foi muito bom! É claro que me lembrei logo desta versão de David, pois é uma das minhas preferidas, aliás, na minha mente comecei a ouvi-las ao mesmo tempo e se o resultado era tão bom dentro da minha cabeça, consigo imaginar quão melhor seria ao vivo (a minha mente é muito criativa LOL). Ainda tenho esperança de, algum dia, poder ouvir David e um ou mais membros de Led Zeppelin tocarem juntos.

About 3 months ago, I’ve found a video online of Jimmy Page giving a masterclass of electric guitar to The Edge (U2) and Jack White and he was playing precisely this song. In the beginning it was just Jimmy, but the other two joined him right after and let me tell you, it was really good! Of course it reminded me of David’s version, which is actually one of my favourites, in fact, in my mind I was listening to both of them at the same time and if the result, inside my head was this good, I can imagine how awsome it would be live (I do have a very creative mind LOL). I still have hope that one day I can listen to David and one or more members of Led Zeppelin playing together.

The Best of Me

Este tema é simplesmente lindo! Não faço ideia quem escreveu o original, nem me lembro sequer de o ter ouvido, mas não tem qualquer problema. Tenho de confessar que, quando o ouvi a primeira vez, as lágrimas escorreram pela cara e ainda escorrem sempre que a ouço com atenção. Na verdade, o melhor de cada um não pode ser medido, nem pesado, nem pode ser encontrado no exterior, nem tão pouco descrito por palavras, está sim no interior da alma e nem sempre seja fácil mostrá-lo, pelas mais diversas razões. Diz-se que os olhos são o espelho da alma… bom, então talvez a música seja a sua linguagem…

This song is simply beautiful! I have no idea who wrote the original, nor do I remember ever listening to it, but that’s not a problem at all. I have to confess that, when I listened to it for the first time, tears streamed down my face and they still do whenever I listen to it . In fact, the best in everyone can not be measured, nor weighted, nor it can be found on the outside, much less described with words, it can be found deep inside the soul and it’s not always easy to show it, for all sorts of reasons. It is said that the eyes are the mirror of the soul… well, maybe music is its language…

Dangerous

Este tema já foi comentado, por isso poderão lê-lo aqui. Obrigada!

This song was already reviews and can be read here. Thank you!

Purple Rain

Este tema já foi comentado noutra ocasião, por isso poderão lê-lo aqui. Obrigada!

This song was reviewed before and it can be read here. Thank you!

Hey Jude 2018

Não me posso considerar uma grande fã dos Beatles, no entanto, esta canção é aquela que me lembro, sempre que alguém menciona a banda. Não é um tema que costumasse ouvir e confesso que estava um pouco apreensiva quanto a escrever alguma coisa sobre ele. Mas isso mudou quando ouvi esta nova versão com mais atenção que, ao contrário do que seria de esperar, se tornou uma das minhas preferidas. Talvez sejam os novos arranjos que lhe dão uma “vibração” diferente, não sei explicar exactamente o que é e, para falar a verdade, nem é necessário, basta ouvir e apreciar. Para mim, funciona e adoro!

I don’t think of myself as a big fan of the Beatles, however, this song is the always the one I think about whenever someone mentions the band. It’s not a song I usually listened to and I confess I was a little apprehensive about writting something about it. But all that changed when I listened to this version more carefully, which, contrary to what would have been expected, it became one of my favourites. Maybe it’s the new arrangements that give it a different “vibe”, I can’t exactly explain what it is and, to tell the truth, that’s not even necessary, we just need to listen and enjoy. For me, it works and I love it!

Fonte/Source: david-garrett.com

Fonte/Source: david-garrett.com

Advertisement

Comment

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.