“Explosive” Deluxe – My personal review – Part 4

Confesso que este conjunto não foi muito fácil de comentar 😉 , mas aqui fica a parte 4. Obrigada por lerem e espero que gostem!

I confess, this wasn’t an easy set to comment 😉 , but here it is, part 4. Thanks for reading and I really hope you like it!

Thinking Out Loud

Calculo que toda a gente tenha ouvido este tema original de Ed Sheeran, pelo menos uma vez. Quando uma música tem uma letra, torna-se um pouco difícil comentar, pois podemos acabar por estar a repetir o que ela diz. A versão de David não tem letra, como sabem, o que para mim a torna mais profunda, na medida em que não nos limita quanto à interpretação que fazemos dela. Foi com alguma dificuldade que consegui traduzir por palavras o que este tema me fez sentir, mas penso que consegui. É com frequência falo comigo mesma, há coisas que gostaria de expressar e que, por diversos motivos não posso fazer, mas que de alguma forma tenho de deixar sair do meu sistema. Sentimentos, ansiedade, dúvidas, pensamentos, frustração… ficam muitas vezes acumulados no coração, de tal forma que quase nos sufocam, e chegam a um ponto em que gritam por serem libertados, de modo a podermos aliviar a pressão e angustia que nos causam. Esta versão representa, para mim, isto mesmo, podermos expressar algo de muito profundo, mesmo que seja apenas para nós mesmos.

I assume that everyone heard this original song from Ed Sheeran at least once. When a song has lyrics, it becomes a little more difficult to comment because we may end up repeating what the lyrics say. David’s version doesn’t have lyrics, as you know, which for me, makes it more profound, because it doesn’t limit our interpretation. It wasn’t easy to translate into words what this track makes me feel, but I think I’ve managed it. I frequently talk to myself, there are some things I’d like to express that, for several reasons, I’m not able to. Feelings, doubts, anxiety, thoughts, frustration… get pilled up in our heart, in a way that they almost suffocate us, to the point where they almost scream to be freed, so that all the pressure and all the anguish they cause us can be relieved. That’s what this version represents to me, a way of expressin something deep, even if it’s just to ourselves. 

Innovation

Este tema é algo completamente diferente do que já ouvi até agora e tive de o ouvir várias vezes até perceber, realmente o que significava para mim. O som do violino misturado com melodias próprias de uma discoteca, à falta de melhor termo, é algo que nunca pensei que soasse tão bem, sinceramente. Ao mesmo tempo que tem, para mim, um toque mais contemporâneo, o som do violino, de alguma forma, faz-me lembrar as festas dos anos 20 e 30. É como pegar no melhor de duas épocas diferentes, juntá-las, criando uma nova. É uma mistura original e, ao mesmo tempo, brilhante. Quem disse que não se pode tocar tudo num violino, certamente nunca ouviu este tema 😉 .

This track is something completely different from everything I’ve heard so far and I had to listen to it several times to really understand what it meant to me. The sound of the violin mixed with nightclub melodies, in the lack of a better term, it’s something I’ve never thought it could sound so good, honestly. At the same time that, for me, it has a contemporary sound, the violin, in a way, reminds me of the 20’s and 30’s parties. It’s like taking the best of two different eras, putting them together, creating a new one. It’s an original mix and, at the same time, a brilliant one. Who said you can’t play anyhting on a violin certainly never heard this track 😉 . 

Ritmo Español

É impossível ouvir este tema sem pensar em flamenco, embora de uma forma um pouco diferente, a sua essência está presente. Ao mesmo tempo que é um pouco triste, tem um toque de sensualidade, transmitida pela junção da guitarra e do violino. Para mim é como se contasse a história de um romance intenso, secreto e desesperado. Amor aparentemente proibido, quer por questões familiares, quer por preconceitos da sociedade ou mesmo individuais, muitas vezes auto-impostos. Diria que é como uma versão Sul Americana de Romeu e Julieta, sem a parte trágica, mas que, no entanto, deixa o final em aberto, como se o fim ainda não estivesse definido. Cabe ao ouvinte terminá-la… pessoalmente, tenho a certeza que, de facto, o amor ultrapassa tudo, se o permitirmos.

It’s impossible to listen to this track without thinking about flamenco, although in a differente way, its essence is present. At the same time it’s a little sad, there’s a sensual touch to it, brought by union of the guitar and violin. For me, it tells a story of an intense, secret and desperate romance. A love aparently forbidden, either by family matters, society or personal prejudices, sometimes self-imposed. I would say it’s a South American version of Romeo and Juliet, without the tragic part. But at the same time the end is still unclear, as if it wasn’t defined yet. It’s up to the listener to end it… personally, I’m sure love does in fact conquer everything, if you allow it to.

Parte 5, em breve…

Soon, part 5…

Explosive 04

Fonte/Source: “Explosive” Album, Foto/Photo: Philipp Müller

 

David Garrett- Intermezzo – NDR1 – Video

Há uns dias, David gravou uma entrevista para o programa “Intermezzo” do canal NDR. Para além da entrevista, David ainda tocou um dos temas do seu novo álbum, juntamente com Marcus Wolf. Aqui ficam os dois vídeos. Espero que gostem!

A few days ago David record an interview for the “Intermezzo”, NDR channel. He also played a song of his new album accompained by Marcus Wolf. Here are the videos. Enjoy!

Fonte/Source: NDR.de

NDR Intermezzo

NDR Intermezzo 2

“Explosive” Deluxe – My personal review – Part 3

Aqui fica a parte 3 do meu comentário pessoal ao novo álbum de David, “Explosive”. Espero que gostem! Obrigada!

Here’s part 3 of my personal review of David’s new album, “Explosive”. Enjoy! Thank you!

How Many Times

Posso dizer que este tema ilustra uma parte do meu percurso de vida. Muitas vezes queremos tanto algo, tentamos com todas as forças vezes sem conta, lutamos, investimos e depois, por uma razão ou por outra, acaba em fracasso. No fundo, a única coisa que queremos é ser felizes e questionamos o que estamos a fazer de errado, ou começamos a achar que não merecemos. No entanto, tal pode ser uma benção pois podemos simplesmente estar à procura da forma ou no local errado e muitas vezes temos a resposta em frente aos nossos olhos e a não vemos, ou não queremos ver. Até percebermos isso, vamos sempre caindo nos mesmos erros e acabamos por nos ferir a nós mesmos se que o percebamos. Mas quando finalmente temos essa consciência, é como se, de um momento para o outro, tudo fizesse sentido.

I can say that this track ilustrates part of my life’s path. Many times we want something so bad, we try with all our strength over and over, we fight, we invest and then, for some reason, everything ends in failure. In the end, what we want is to be happy and we question what we’re doing wrong, or we start to think we don’t deserve it. However, that can be a blessing because we may simply be looking for it in the wrong way, or in the wrong place and sometimes we have the answser right in front of our eyes and we just don’t see it, or don’t want to see it. Until we realise it, we’ll be making the same mistakes and end up wounding ourselves without even knowing. But when we finally gain that consciousness, it’s like, all of the sudden, everything made perfect sense. 

Unlimited Symphony

Este tema toca-me bem fundo no coração, traz boas recordações, mas também recordações muito dolorosas e bastante recentes. Faz-me sorrir mas por vezes, faz-me chorar. Não há muito tempo, senti que o chão me tinha fugido debaixo dos pés, nada fazia sentido, sentia-me zangada, magoada, mas ao mesmo tempo completamente anestesiada, como se o coração tivesse sido congelado. Tudo parecia negro e frio, como uma noite de inverno sem estrelas. Mas depois de cada noite, por mais negra que seja, há a esperança que o sol irá nascer novamente de manhã e trazer nova luz ao mundo. O coração começa a descongelar, vemos as coisas com uma mente clara e gradualmente, erguemos-nos mais fortes que nunca, com a sensação de renovação. Depois da tempestade vem a bonança…

This song touches my heart deeply, it brings back good memories, but also really painful ones and very recent too. It makes me smile and sometimes it makes me cry. Not long ago, I felt like the ground had slipped under my feet, nothing made sence anymore, I felt angry, hurt, but at the same time completely numb, like my heart had been frozen. Everything looked dark and cold like a winter night with no stars. But like after every night, no matter how dark they are, there’s always hope the sun will raise again in the morning and shed new light into the world. The heart starts to defrost, we see things with a clear mind and gradually, we rise back up stronger than ever, with a feeling of renewal. After a storm comes a calm…

They Don’t Care About Us

Esta música é uma das minhas preferidas de Michael Jackson e ouvir esta versão de David é simplesmente de ficar de queixo caído! Cresci a ouvir Michael Jackson e quase se consegue ouvir o eco da sua voz através do violino, não só pelo timbre de voz que ele tinha, mas também pela alma que David lhe dá ao tocá-la, conseguindo trazer “de volta à vida”, o grande artista que foi Michael, mas dando-lhe, ao mesmo tempo, o seu toque particular. A mistura perfeita entre dois grandes músicos e ouvi-los juntos seria algo de extraordinário, mas que infelizmente não será possível. Obrigada pela versão fantástica!

 This song is one of my favourites from Michael Jackson and to listen to David’s version is simply jaw dropping! I grew up listening to Michael Jackson and we can almost hear the echo of his voice through the violin, not only because the tone of the voice he had, but also because the soul David gives it when he plays, bringing the great artist that was Michael “back to life”, but at the same time imprinting his personal touch. It’s the perfect mix between two great artists and to listen to them together would be something extraordinary, but unfortunately that won’t be possible. Thank you for this amazing version!

Source: Universal-Music.de Photos © Universal-Music.de

Source: Universal-Music.de
Photos © Universal-Music.de

David Garrett – “Leute heute” – Video

Há momentos terminou o programa “Leute heute” do canal ZDF, o qual transmitiu uma reportagem com David. Para quem não conseguiu ver em directo, aqui fica o vídeo, publicado no site ZDF.de. David aparece por volta do minuto 4:00. Espero que gostem!

The ZDF’s tv show “Leute heute”, where there was a report about David, ended a while ago. For those of you who couldn’t watch it live, here’s the video, which was published on ZDF.de. David shows up on minute 4:00. Enjoy!

Fonte/Source: ZDF.de

Leute heute 23-10-2015

David Garrett – Echo Klassik Backstage Interviews – Videos

Como sabem, no dia 18 de Outubro, foi a cerimónia de entrega de prémios “Echo Klassik”. Tal como no ano passado, David foi o repórter dos bastidores, entrevistando os vencedores. Aqui ficam os vídeos das entrevistas, espero que não esteja a faltar nenhum. Alguns deles estão em Alemão e outros em Inglês. Divirtam-se!

As you know, last Sunday was the “Echo Klassik” Awards ceremony and just as last year, David was the backstage reporter. Here are the videos of the David’s interviews to the award winners, I hope I’m not forgetting anyone. Some of the videos are in German and others in English. Have fun!

Fonte/Source: YouTube ❃Shary B❃

Fonte/Source: YouTube MusicNoteBlog

David Garrett – Radio Promo – Photos

O Facebook de David publicou hoje, ao longo do dia, algumas fotos da promoção de David por algumas rádios, o qual foi também acompanhado por Marcus Wolf. Aqui ficam as referidas imagens 🙂 .

David’s Facebook published, throughout the day, some photos of David’s radio promotion, where he was accompained by Marcus Wolf. Here are the said photos 🙂 .

Fonte/Source & Photos ©:
Facebook David Garrett

 

David Garrett – Echo Klassik Awards – Video

Aqui fica agora o vídeo da entrega de prémios “Echo Klassik” que teve lugar ontem em Berlim. No vídeo poderão ver a performance de David, bem como a entrega do seu prémio. Parabéns, é bem merecido! Espero que gostem!

Now, here’s the video of yesterday’s “Echo Klassik Awards”, that took place in Berlin. In the video you’ll be able to watch David’s performance and the moment he recieves his award. Congratulations, it’s well deserved! Enjoy!

Fonte/Source: YouTube Lena Xristoforidou

David Garrett – Echo Klassik – Photos part 2

Ontem à noite foi a cerimónia de entrega dos prémios “Echo Klassik”, a qual teve lugar em Berlim. Aqui ficam mais algumas fotos não só da Passadeira Vermelha, como da cerimónia em si. As fotografias foram publicadas pelo website EchoKlassik.de e tiradas por BVMI / M.Nass. Divirtam-se!

Last night was the Echo Klassik Awards ceremony, held in Berlin. Here are some photos of the Red Carpet but also of the ceremony itself. The photos were published by the EchoKlassik.de and taken by BVMI / M.Nass. have fun!

Fonte/Source: EchoKlassik.de
Photos © BVMI / M.Nass & SINSSEY 71

David Garrett – Backstage interviews – photos

Há algumas horas, o Facebook de David partilhou algumas fotos as quais foram tiradas durante as entrevistas feitas por David, aos vencedores dos prémios Echo Klassik 2015. Aqui ficam as referidas imagens. Espero que gostem!

A few hours ago, David’s Facebook published a few photos taken during his backstage interviews to the winners of the Echo Awards 2015. Here are the said photos. Enjoy!

Fonte/Source: Facebook David Garrett

David Garrett – Echo Klassik Red Carpet Interview – Video

Aqui fica uma pequena entrevista a David, na Passadeira Vermelha dos Prémios Echo Klassik, que têm lugar hoje em Berlim. Espero que gostem!

Here’s a short interview with David on Red Carpet of the Echo Klassik Awards, that take place today in Berlin. Enjoy!

Fonte/Source: YouTube crescendo

David Garrett – Echo Klassik – Photos

Há momentos, o Facebook de David publicou algumas fotos do mesmo na Passadeira Vermelha dos prémios “Echo Klassik”, que se realizam hoje em Berlim. Aqui ficam as referidas fotografias. Espero que gostem!

David’s Facebook just published a few photos of him on the Red Carpet at the “Echo Klassik” Awards, that take place tonight in Berlin. Here are the said photos. Enjoy!

Fonte/Source: Facebook David Garrett

“Explosive” Deluxe – My personal review – Part 2

Aqui fica a Parte 2. Mais uma vez, espero que gostem e obrigada pela vossa leitura 🙂 .

Here’s Part 3. Once again, I hope you like it and thank you for reading 🙂 .

Lose Yourself

Alguma vez ouviram um violino “cantar” Rap? Se ouviram a versão de David do tema “Lose Yourself”, então a resposta será sim. O tema original é de Eminem e, embora não possa dizer que seja fã, há algumas músicas dele que gosto bastante, sendo esta uma delas. Por vezes surge-nos uma oportunidade única, a qual pode não voltar a surgir e, por medo do desconhecido ou apenas por insegurança, deixamos escapá-la e mais tarde arrependemos-nos. É isto que sinto quando ouço as duas versões. No entanto, para mim, a versão de David é menos sombria que a original. Muitas vezes temos de sair da nossa zona de conforto para crescermos e isso significa correr riscos… a recompensa vale sempre a pena, mesmo que de início não o percebamos.

Have you ever heard a violin “singing” Rap? If you heard David’s version of  the song “Lose Yourself”, then the answer will be yes. The original song is from Eminem and although I can’t say I’m a fan, there are a few of his songs I enjoy very much and this is one of them. Sometimes an unique oportunity comes knocking on our door and, for fear of the unknown or simple due to insecurity, we let it slip away and regret it later. This is what I feel when I hear both versions. However, for me, David’s version is less dark than the original. Sometimes we have to get out our comfort zone in order to grow and that means taking chances… the reward is always worth it, even if we don’t realise it at first.

Adventure Island

Quando ouvi este tema, quase jurei que tinha sido escrito por Hans Zimmer que, como se devem lembrar, escreveu bandas sonoras para filmes como “Os Piratas das Caraíbas” ou o “Gladiador”. Confesso que sou uma grande fã de bandas sonoras e em especial das escritas por este compositor. Ao ouvir “Adventura Island” imaginei imediatamente uma cena com o Capitão Jack Sparrow, com o seu jeito característico, fugindo de alguém, a quem teria provavelmente feito alguma patifaria. É incrível como, em cerca de 3 minutos, este tema fez-me criar, mentalmente, um filme de aventuras bem ao jeito de Jerry Bruckheimer. Simplesmente brilhante!

When I heard this song I could almost swear that it was written by Hans Zimmer who, as you might remember, wrote several soundtracks for films like “The Pirates of Caribbean” or “The Gladiator”. I confess I’m a big fan of soundtracks, specially the ones written by this composer. By listening to “Adventure Island” I immediately imagined a scene with Captain Jack Sparrow, in his unmistakable way, running away from someone whom he might have decieved. It’s amazing how, in just about 3 minutes, it made me mentaly create an adventure film, Jerry Bruckheimer style. Just brilliant!

Midnight Waltz

É quase impossível ouvir uma valsa e não imaginar salões de baile na Áustria ou na Rússia, “Midnight Waltz” não é excepção. Quando a ouço, sinto uma alegria pura e imensa, mas ao mesmo tempo um sentimento de saudade profunda, de algo muito bom que passou e que queremos que se volte a repetir. Como que um suspiro profundo de contentamento, mas ao mesmo tempo com uma tristeza por não podermos voltar a trás e viver tudo de novo. No entanto, fica a memória gravada no coração e a esperança de criarmos mais momentos como esse. Obrigada pela linda melodia.

It’s almost impossible to hear a waltz and not imagine ballrooms in Austria or Russia and “Midnight Waltz” is no exception. When I hear it I feel and pure and imense joy, but at the same time a sense of deep longing, of something good that happened and that we want it to repeat itself. Like a deep sigh of contentement, but at the same time with a great sadness because we can’t go back in time and live it all over again. However, its memory stays engraved in the heart and we hope to create more special moments like that one. Thank you for the beautiful melody.

Parte 3 em breve…Obrigada!

Part 3 soon… Thank you!

Source: Universal-Music.de Photos © Universal-Music.de

Source: Universal-Music.de
Photos © Universal-Music.de

David Garrett – “Riverboat” – Video

Foi ontem para o ar o talk-show “Riverboat”, do canal MDR, no qual David foi um dos convidados. O vídeo está em Alemão é bastante longo, tem 103 minutos, mas se quiserem ver apenas David, avancem até ao minuto 73. Divirtam-se!

Last night, the MDR tv channel broadcasted the “Riverboat” talk-show where David was one of the guests. The video is in German and it’s quite long, it’s about 103 minutes, but if you just want to watch David, please foward to minute 73. Have fun!

Fonte/Source: MDR

Riverboat 16-10-2015 prt scr

David Garrett – “Das Magazin zum Herbstfest” – Video

Ontem partilhei convosco as fotos desta entrevista, hoje é a vez do vídeo. Espero que gostem 😛 !

Yesterday I shared with you the photos of this interview, today’s the video. Have fun 😛 !

Fonte/Source: YouTube MusicNoteBlog

David Garrett – “Quizduell” – Video

David foi, ontem, um dos convidados no programa “Quizduell”. Quem não teve oportunidade de ver, ou quem quiser rever, aqui fica o vídeo. Está em Alemão, obviamente, mas mesmo assim espero que gostem!

Yeasterday, David was one of the guests at the “Quizduell” tv-show. For those of you who couldn’t watch it, or if you just want to watch it again, here’s the video. It’s in German, obviously, but I hope you like it eitherway!

Fonte/Source: YouTube Quizduell